Por mais que a gente tente humanizá-los, animais serão sempre animais. Eles ficam lindos com lacinhos, roupinhas e gravatas, mas não devemos colocar a estética à frente do conforto e bem-estar dos nossos pets.

Um dos erros mais comuns é a utilização de perfumes nos animais, principalmente em cachorros, que têm o olfato muito aguçado e podem se incomodar com o cheiro forte das colônias. Esse tipo de produto também pode causar alergias nas vias respiratórias, na pele e nos pelos.

Se mesmo assim você optar por perfumar o seu pet, use somente colônias exclusivas para uso em animais, que são feitas sem álcool e com essências hidrossolúveis. Não aplique o produto nas orelhas, rosto e pescoço e nunca, nunca utilize produtos feitos para humanos em seus pets.

 

perfil bruninho“Minha dica para quem quiser usar perfumes nos animais é que façam isso apenas em ocasiões especiais, como no nosso aniversário ou quando formos para algum evento. Assim chegamos a um meio termo e tanto nós, cachorros e gatos, quanto nossos pais ficamos felizes”
Bruninho Chihuahua, estagiário do Mundo das Patas
@bruninhochihuahua

 

 

Fonte: Blog do Pata